Arquivo da tag: yoga

Histórias de Leticia Matos

Lado B – Leticia Matos é artista plástica, idealizadora do projeto 13pompons. Além dele, ela tem outras duas paixões: Yôga e literatura. “Pratico Yôga há 11 anos, pelos menos 3 vezes por semana. Acabei me dedicando e estudando bastante essa filosofia que acabei fazendo formação para ministrar aulas”. kapodasanaApesar de não ser sua atividade principal, a artista reserva um tempo para dar aulas particulares. “Faz parte de mim essa busca pelo autoconhecimento, que vai muito além de alongar o corpo, aprender a respirar melhor, esvaziar a mente de tanta informação e deixar o intuicional fluir melhor. E aí entra a literatura, a paixão pelos livros e pela construção de histórias”, conta. “As duas coisas se complementam. Conhecer mais o outro, me conhecer através do outro e observar minhas atitudes, emoções a partir disso tudo”.

Letras – Todas essas histórias, criadas mesclando um pouco da artista e das pessoas, têm ligação com o projeto 13pompons, que embeleza com tricô árvores, orelhões e postes de diversas cidades. “A história que se constróe enquanto teço se agrega a história de cada objeto, árvore, peça que aplico meu trabalho. Me encanta produzir algo atemporal, que vem carregado de sentimentos e que aos olhos dos outros se transforma em outra história”.http://instagram.com/p/RYmbB2GlOS/

Capa – História longa é a de Leticia com os livros. Desde criança ela gosta de ler. “Durante 4 anos participei de uma oficina de literatura, arriscando a escrita de contos”. Até hoje ela não desgruda dos livros, além de manter o hábito da escrita. “Faço anotações diárias e remexo em textos meus cerca de uma vez por semana. É fascinante viver histórias que de certa forma são minhas, que tem um pouco de mim, que tem algo do que eu talvez vivesse se estivesse naquela história. Ou não! Ou simplesmente a experiência de entrar em outros universos, sem julgamentos. ‘Seiva e risco’ é o que resume esse mergulho em outros universos e que me compõe. É o que está presente na minha vida e no meu trabalho”, diz. “Esse meu lado B me completa e transforma o meu trabalho em algo único, carregado de tudo que sou, penso e acredito”.

Fotos: Divulgação

Fotos: Divulgação


Conexões de Mel Vieira

Lado B Mel Vieira é praticante de capoeira. Seu lado B é ocupado por outra atividade ligada à arte, a yoga. Hoje ela é professora de yoga e conta que descobriu seu lado B há 14 anos, pouco antes de ter seus primeiros contatos com a capoeira. “A cada dia descubro algo novo na conexão de ambas as artes”, diz Mel.

Fotos: Juliana Cintra

Ritmo – Quando fala sobre a atividade explica que a  yoga é sua vida e seu trabalho. “A capoeira é uma arte também espiritual. Ambas as artes estão conectadas às forças da natureza. Com a capoeira interajo com o todo ao meu redor de maneira precisa, diferentemente de olhar para uma de suas partes. Nela, encontro a dança, a musicalidade, a luta, a resistência e a flexibilidade importantes para o cotidiano”, afirma. “A Yoga é o meu lado B, porque nela encontro todos elementos da capoeira ditos com uma outra linguagem. Como lidar com as dificuldades, seguir meu coração e me conectar com a minha intuição e feminilidade, enfim, como dar uma importância a tudo isso.”

Capa – Ninguém duvida do valor do lado B na vida de Mel, mas nada como saber da própria professora por que ele passou a ser indispensável.  “A yoga trouxe alimento para a minha mesa e para minha alma. Yoga significa atar, unir, ligar, dirigir e conectar o corpo e a alma.”


%d blogueiros gostam disto: